Modalidades

Basquete

Um dos esportes mais populares do mundo, o basquete tem pai, local e ano de nascimento. Em 1891, os Estados Unidos passavam por um inverno rigoroso. Praticar atletismo, futebol ou rúgbi tornou-se impossível para os alunos da escola da Associação Cristã de Moços de Springfield, no estado de Massachussets. Foi aí que a direção do colégio pediu a um de seus professores que desenvolvesse um esporte para ser praticado em lugares fechados. A missão coube ao canadense James Naismith, de 30 anos, que se inspirou na mania dos alunos e dos funcionários da escola de sempre atirar objetos à distância nos cestos de lixo. Ele usou cestas de pêssego para criar o esporte.

Futsal

O futebol de salão tem duas versões sobre o seu surgimento, e, tal como em outras modalidades desportivas, há divergências quanto a sua invenção. Há uma versão que o futebol de salão começou a ser jogado por volta de 1940 por frequentadores da Associação Cristã de Moços, em São Paulo (SP), pois havia uma grande dificuldade em encontrar campos de futebol livres para poderem jogar e então começaram a jogar suas ”peladas” nas quadras de basquete e hóquei. Há também a versão, tida como a mais provável, de que o futebol de salão foi inventado em 1934 na Associação Cristã de Moços de Montevidéu, Uruguai, pelo professor Juan Carlos Ceriani, que chamou este novo esporte de “Indoor-foot-ball”.

Ginástica Artística

Há registros de práticas de acrobacias semelhantes aos movimentos da ginástica no Egito Antigo, mas a maior parte dos relatos considera a Grécia Antiga como o berço do esporte. Os gregos praticavam exercícios para manter o corpo em forma, como recurso preparatório para a prática de outros esportes e também para o aperfeiçoamento físico dos militares. Após a sua popularidade na Grécia, a ginástica voltou à cena na Europa no período do Renascimento, entre os séculos XIV e XVI. A ginástica faz parte dos Jogos Olímpicos desde a sua primeira edição da Era Moderna, em Atenas 1896, quando cinco países disputaram títulos individuais. Em Amsterdã 1928, as mulheres competiram pela primeira vez, mas o programa feminino só foi desenvolvido em Helsinque 1952, com sete eventos. Nesse tempo, era chamada de Ginástica Olímpica. Depois, com a inserção da Rítmica (Los Angeles 1984) e do Trampolim (Sidney 2000) nos Jogos, passou a ser chamada de Ginástica Artística.

Ginástica Rítmica

Beleza, elasticidade, habilidade, graciosidade, agilidade, expressão artística. Essas são algumas das qualidades necessárias a praticante da ginástica rítmica. E todas elas são encontradas mais facilmente nas mulheres, únicas participantes da modalidade. A GR, como é chamada, surgiu por volta da década de 1920, quando foram acrescentados novos exercícios e música à ginástica artística. Seu primeiro campeonato foi disputado em 1961, justamente um ano antes da Federação Internacional de Ginástica reconhecer a categoria. A estreia em Jogos Olímpicos aconteceu mais tarde, em Los Angeles 1984. A ginástica rítmica conta com provas individuais e por conjunto, na qual cinco ginastas se apresentam juntas. Os aparelhos utilizados na GR são arco, maça, bola, fita e corda. Na apresentação de conjunto, a série deve ter dois minutos e quinze a dois minutos e trinta segundos. Já no individual, um minuto a menos.

Judô

Criado há mais de 120 anos, o judô é um esporte em constante evolução. As técnicas básicas existem desde a criação do Instituto Kodokan, por Jigoro Kano, em 1882. Mais do que criar uma luta, o mestre Kano buscou desenvolver uma arte marcial em que a evolução técnica do praticante fosse sempre acompanhada de um avanço espiritual, norteado pelo ensinamento oriental que diz: “muitas vezes é preciso ceder para vencer”. Apesar das diferentes técnicas desenvolvidas nas muitas Escolas de judô que surgiram desde o início do século XX, objetivo básico do esporte sempre foi mantido: combater e finalizar o adversário ou desequilibrá-lo, fazendo com que ele caia totalmente com as costas no chão.

Natação

Na Grécia, a natação era considerada fundamental para a formação física de jovens e de soldados gregos, mas não figurava nas competições dos Jogos da Antiguidade. A partir do século XVII, estilos e regras foram sendo estabelecidos. No século XIX, a atividade fica em evidência por feitos heroicos como o do nobre britânico Lord Byron. Inspirado em uma história mitológica, ele encarou com sucesso o desafio de atravessar o Estreito de Dardanelos – canal que liga a Europa à Ásia. Outra façanha foi realizada por um soldado de Napoleão Bonaparte que escapou de uma prisão inglesa e atravessou o Canal da Mancha a nado. Em meados do século XIX já ocorriam algumas competições – a primeira disputa oficial ocorreu na Austrália, em 1958. Dez anos depois, foi a vez de Inglaterra e Estados Unidos realizarem competições.

Vôlei

O esporte surgiu no fim do século XIX, em Massachusetts (EUA), pelas mãos de William Morgan, diretor de Educação Física da sede local da Associação Cristã de Moços (ACM). Ele queria inovar a grade curricular e chegou a pensar em ensinar o basquete, criado quatro anos antes, em 1891. Em 1900, o esporte chegou ao Canadá, sendo desenvolvido em diversos países: China, Japão (1908), Filipinas (1910), México, entre outros países. Na América do Sul, o primeiro país a conhecer o esporte foi o Peru, em 1910, graças a uma missão estrangeira que buscava aprimorar a educação primária do país. Fonte: COB

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>